Name

Magda Rebello

About

A artista visual Magda Rebello, é natural do Rio de Janeiro, formada pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, bacharel em Pintura.

Pintora, fotógrafa e designer de exposições, a artista busca desenvolver novas maneiras de inserir tecnologia a pintura. Com esta pesquisa, busca a integração harmônicas entre as técnicas, pictóricas e fotográficas. Acredita que não há nada de mais instigante do que um novo olhar através de imagens técnicas, tanto pra quem vê como para quem cria.

A pintura que vem intervir sobre a fotografia, deixa sua marca expressiva do que sente a fixação também da emoção, através da matéria da tinta.

Na série intitulada Ruídos da Cidade a artista apresenta o resultado de sua pesquisa sobre pintura e fotografia. Estas fazem parte não só da sua criação, mas sim, da maneira como ela observa o mundo. Ao retratar a cidade do Rio de Janeiro a artista utiliza recortes de papel, letraset, ou letras de recorte eletrônico colocando seu gesto único na obra. Criando ruídos sobre a fotografia através da utilização de símbolos geométricos remetendo ao simbolismo de leitura de mapas. As letras aparecem como áreas povoadas ou populosas, onde cada uma representa uma pessoa ou som. Números também aparecem, representando densidade demográfica de cada área, ou quantidade de pessoas residentes em cada espaço. Os símbolos de pontuação da gramática surgem com seus próprios significados: finalização, continuidade ou interjeições. A pesquisa resulta numa busca da apropriação dessas duas técnicas, integrando-as e tornando-as uma só.

Na série Pés, pra que te quero a artista busca representar o fetiche, o sentimento e a ação tendo como resultado um trabalho romântico de visão feminina. A artista representa seus sentimentos através de gestos, sem palavras, ou apenas letras formando frases “subentendidas”, tornando-os mecânicos, estáticos para o olhar. Porém é o ato de olhar que faz com que a poesia tome conta da obra e envolva o outro através do silêncio, tem o som e o movimento dentro da obra em cores e gestos.

Dentre as exposições de que já participou com pinturas, destacam-se: as três edições da coletiva Mostra 09, realizadas no Fórum de Ciência e Cultura - UFRJ, Sesc Tijuca ambas em 2009 e Espaço Cultural Antonio Fraga em 2010. Duas edições da exposição coletiva Pintura em Foco em 2009, realizadas na Galeria de Arte UFF e no Colégio Pedro II - São Cristóvão, respectivamente. A individual Ruídos da Cidade realizada no Espaço EBA7 em 2009. A coletiva Arte e Pesquisa no ano de 2008, realizada no Sesc de Ramos.

A exposição de maior destaque como fotógrafa é “A Grande Tijuca em pequenos detalhes”, em dupla com a fotógrafa Gisa Naine, realizada em março de 2010, no Sesc Tijuca.

Como designer de exposição, a artista assinou as artes das exposições: Exposição “Os 11 de 09”, realizada no Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ em 2009. As exposições: “Turismo Jovem Cidadão, “Os 11 de 09 e a ”Pipa na mão”, ambas realizadas no SESC Tijuca em 2009. “Turismo Jovem Cidadão e “A Grande Tijuca em pequenos detalhes”, ambas realizadas no SESC Tijuca em 2010.

"Magda apresenta em seu trabalho de arte uma nova forma de pensamento visual : com sensível audácia procura olhar sobre as imagens matemáticas criadas no computador como se fossem uma aproximação com seu mundo real. Esse mundo é constituído de fragmentos do seu próprio corpo em movimento ou o trânsito e os ruídos caótico das grandes cidades,etc.
Para dar conta das complexidades de criar uma nova forma a artista penetrou fundo,não só no olhar das imagens tradicionais do mundo real em pintura, fotografia,tv e cinema, mas principalmente no mundo das imagens numéricas do computador.
Nessa tarefa, Magda tem que dominar não só a gramática ,mas a arte da criação de imagens tanto em pintura quanto na arte e gramática na criação das imagens virtuais .
A artista joga com sua experiência de pintora para criar segundo a estrutura técnica das imagens numéricas: ela tem a disposição uma paleta cromática de 16 milhões de cores e traços virtuais da marca do pincel na ilusória matéria pictórica.
Ao procurar não haver ruptura em relação ao gesto único da presença do artista criador, essas imagens técnicas são ampliadas e impressas em plotagens digitais sobre uma superfície matérica da pintura sobre a tela de pintor.
O resultado é a fusão complexa de um sistema misto entre representação feita a mão e a mais sofisticada imagem técnica, deixando claro uma busca de sentido a qual remete sempre ao próprio olhar da artista ,eco de um eco da imagem virtual que ela faz de si própria."

Vladimir Machado
Pintor e Professor da Escola de Belas Artes-UFRJ

Specialties

  • Pintura
  • fotografia e design de exposições

Skills

  • picture
  • photo
  • Magda
  • Rebello
  • brasil
  • brazil
  • art
  • arte
  • rio de janeiro
  • foto
  • pintura